segunda-feira, 9 de março de 2009

Troque seu Exchange Server pelo Zimbra Open Source

Escrevo aqui a minha experiência pessoal com a substituição do Exchange 2000 Server pelo Zimbra Suite de colaboração Edição Open Source.

Os pontos positivos do Zimbra Open Source são:

  • Instalador para as principais distribuições Linux.

  • Interface Web Ajax para gerenciamento do servidor.

  • Suporte a WebMail Ajax ou HTML, IMAP, POP inclusive com segurança.

  • Suporte a múltiplos domínios.

  • Ferramenta utilitária para importação de usuário e contas diretamente do Exchange ou Lotus Domino para o Zimbra.

  • Client próprio para Windows, Linux e MacOS.

  • Suporte aos principais bronwsers do mercado.

  • Anti-Virus e Anti-Spam integrados e atualizados frequentemente.

Desde 2002 o Exchange 2000 Server executou seu bom trabalho de servir aos usuários da empresa onde trabalho seus e-mails diariamente fazendo quase sempre seu bom papel, mas o Software já estava velho, com seus recursos de segurança ultrapassados há muito tempo e já apresentava graves problemas como facilitar o envio e recebimento de SPAM que irritava e atrapalhava a todos nós.

Como deve acontecer com a maioria de nós profissionais de tecnologia a cobrança por um servidor de e-mail melhor era muito grande e a verba para a implementação de um servidor liberada pela empresa era muito pouca chegando próximo de 6 mil reais :-(.

Como o antigo Hardware já estava há muito tempo fazendo hora extra eu não tive duvidas de que a melhor solução seria a compra de um Servidor novo e utilizar todas as soluções em software livre, assim então após pesquisar bastante em fóruns e no Google optei pelo Zimbra que é um projeto mantido pelo Yahoo de solução de cliente e servidor de colaboração de e-mail e mensagens instantâneas que tem o claro objetivo de ser uma solução ao Exchange da Microsoft.

Pesquisando eu descobri que o Zimbra possuía várias versões pagas e uma versão Open Source que diferenciava muito pouco das versões pagas. As diferenças podem ser vista no endereço www.zimbra.com/products/product_editions.html mas o único recurso que realmente me fez alguma falta foi a compatibilidade do IMAP dele com o Outlook mas como apenas 15 dos meus 85 usuário de e-mail utilizavam o Outlook com IMAP eu tive como contornar o problema facilmente.

Optei então por instalar o Zimbra com o Ubuntu 8.04 Server 64 bits, e não tive a menor dificuldade principalmente porque os desenvolvedores tiveram o cuidado de disponibilizar o Zimbra já empacotado para Debian, Ubuntu, Red Hat Enterprise, Fedora, Suse e ate mesmo para MacOS Leopard. Realmente isso me pareceu um grande cuidado e atenção por parte dos desenvolvedores do Zimbra pois eu nunca entendi empresas que disponibilizam seus programas apenas no Font ou mesmo para uma ou outra distribuição.

O Zimbra alem de tudo possui um bom Wiki e um Fórum que embora seja pequeno em numero de usuários e em numero de perguntas e muito rico em qualidade uma vez que os moderadores do site também são funcionários da empresa INOVA TECNOLOGIA que e a empresa legalmente autorizada a revender no Brasil a versão paga do Zimbra. La eu tive retorno para todas as minhas duvidas inclusive para reportar um pequeno Bug que o Zimbra possuía.

O Zimbra possui ótimos manuais tanto para instalação do servidor em si como para operação do WebMail para os usuário ambos são bem feitos com imagens e são apresentados todos os recursos e configurações possíveis o único ponto negativo e que não existe para nenhum dos manuais uma versão traduzida para o Português ate esta data.

Do ponto de vista da instalação do Zimbra a maior dificuldade fica por conta da configuração do BIND DNS que realmente 'e muito chata de fazer. O Instalador em si apresenta poucas opções em um menu em formato texto e depois disso as demais configurações são feitas inteiramente pela interface Web de gerenciamento do servidor.

Em resumo posso dizer que hoje sou um feliz Administrador de Redes e tenho 85 felizes usuários que em pouco mais de 8 horas de trabalho abandonaram completamente o Microsoft Exchange e hoje utilizam o Zimbra Open Souce.

No próximo artigo eu vou abordar a instalação do Zimbra e a importação de contas e e-mail do usuário diretamente do Exchange feita por um assistente de importação que pode ser baixado pelo gerenciador Web do Zimbra.


Ate logo!!!

Carlos Alberto Tavares

6 comentários:

Sergio disse...

Caro Carlos, utilizo a 5 anos o Linux rodando o Qmail, com qmailscanner + spamassassin e clamav. Não há o que falar mal do qmail, é excelente e inclusive o qmailadmin é fácil de operar (criar e excluir contas, inclusive criar aliases), mas o qmail parou de ser atualizado e os posts encontrados no google fazem referencia a instalações antigas ( qmailrocks e toaster por exemplo). Pergunta: No Zimbra há autenticação de SMTP? Estou interessado em usá-lo, mas utilizo pop3 e smtp em celulares, notebooks e nos desktops da empresa. Agradeço a atenção. Sérgio - Curitiba

Carlos Alberto Vieira Tavares Junior disse...

Sergio, existe sim eu mesmo utilizo autenticação de SMTP.

Carlos Alberto Vieira Tavares Junior disse...

Sergio, existe sim eu mesmo utilizo autenticação de SMTP.

David disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
David disse...

Carlos, estou tentando colcocar para funcionar o Zimbra na empresa onde trabalho, mas tenho algumas duvidas: tenho que instalar o DNS no mesmo servidor do Zimbra?

railton disse...

David

Dependendo do tamanho da sua estrutura pode ficar sim no mesmo servidor.

Se for uma estrutura muito grande, sugiro por em maquinas separadas, agora uma estrutura pequena, pra cerca de 400 contas, sem problema.

Railton